BLOG

Anima Mundi

Já pensou no mundo que a gente conhece completamente inundado? Onde tudo, absolutamente tudo, é coberto pela água? Essa é a realidade vivida pelo colecionador de relógios Noe no curta francês Contre Temps. O filme exibido no ANIMA MUNDI 2013 foi feito como trabalho de conclusão dos colegas Jérémi Boutelet, Thibaud Clergue, Tristan Ménard, Camille Perrin, Gaël Megherbi e Lucas Veber, na escola de animação Supinfocom.

Noe é um homem obcecado pelo tempo que mora em uma cidade submersa. Todos os dias no mesmo horário a água recua por alguns instantes, que ele aproveita intensamente para procurar relógios perdidos nos prédios abandonados. E é durante uma dessas buscas que ele encontra a pequena Kia e acaba se aproximando da garotinha. O destino e o tempo vão unir esses dois, em um filme rico em beleza de traços e cores feito com computação gráfica.

Confira Contre Temps na íntegra:

O curta pode ser visto como uma metáfora de nossos dias atuais, quando sempre estamos apressados e “afogados” de trabalho e coisas para fazer e os poucos momentos de prazer são sempre tão corridos. E talvez seja um aviso de que ainda dá tempo de salvar as coisas que realmente importam.

E então, não é uma beleza?

Comentários

Voltar

Telefones:
(55 21) 2543-8860
(55 21) 2541-7499

fb-form insta-form tt-form yt-form