PT | EN

No Anima Mundi, grande parte da animação que toma conta do nosso festival parte de crianças animaníacas. Elas lotam as nossas sessões, fazem produções incríveis nas oficinas e, além de fãs fiéis, podem ser futuras animadoras. Não é pouca coisa! Por isso, nós não íamos deixar de homenageá-las no seu dia. O dia das crianças acabou de passar, então ainda temos muito o que comemorar!

Para animar os pequenos animaníacos, resolvemos relembrar algumas das produções animadas para crianças que desembarcaram no nosso festival esse ano! Tá pronto para uma viagem animada?

MaX & Co. é o primeiro longa de animação suíço. Outros dois já estão em produção

Max & Co. é sobre um menino que, a procura de seu pai, acaba tendo que salvar uma cidade da terrível invenção de um cientista: moscas mutantes!

Nina Needs To Go é uma nova série da Disney que teve um de seus episódios exibidos no Anima Mundi 2014! Dirigida por Sarah Cox, é sobre Nina, uma menina de quatro anos que sempre precisa ir ao banheiro nas horas mais inoportunas. Afinal, quando ela está se divertindo, esquece disso até o último momento. Então, Nina tem que usar toda a sua criatividade para superar os obstáculos entre ela e o banheiro mais próximo. E não podemos esquecer de sua princial ajuda: Nana, a avó que era uma agente secreta!

Sarah Cox

Sarah diz que inspirou a história nas suas próprias aventuras tentando achar um banheiro para a filha pequena!

Bendik & the Monster tem uma história tão criativa que é impossível não se divertir! O curta norueguês é sobre um monstro que sonha em ser cantor de cabaré e sobre um menino que tem problemas com a mãe e seu namorado. Já dá para perceber que eles dão uma boa dupla, não é? O encontro dos dois vai criar uma parceria incrível que mudará a vida deles. O filme foi dirigido por Frank Mosvold e é, na verdade, inspirado em um livro de Arne Svingens. Demais!

Bendik & the Monster

Junto de Frank, trabalharam Atle Blakseth e Olve Askim. Uma equipe incrível!

Lightning Larry é outro curta que fez muito sucesso por aqui. Ele foi feito por dois estudantes da Escolha de Artes Visuais em Nova Iorque, Akira Hyun e Dan Solomon. A história é sobre Larry, um talentoso menino que simplesmente não consegue acordar na hora certa para ir a aula. Todo dia, ele tem que correr pela cidade em sua bicicleta tentando chegar antes do toque do sinal. Mas em uma manhã em particular, tudo fica ainda mais complicado! Larry erra o caminho e tem que enfrentar vários obstáculos. Esse vai ser o passeio da sua vida.

Akira Hyun; Dan Solomon

No blog do filme, os diretores explicaram o passo a passo da produção. É super bacana para aprender mais do processo criativo!

Quem aí viu o lindo e meigo curta The Dam Keeper, vencedor do prêmio de Melhor Curta-Metragem Infantil pelo Júri Popular paulista? De Dice Tsutusmi e Robert Kondo,  é sobre um porquinho com um trabalho super importante: ele tem que cuidar do moinho da sua cidade para que as nuvens venenosas não se aproximem. Infelizmente, seus colegas não entendem e fazem comentários maldosos… Mas tudo muda quando um novo aluno chega ao colégio! Será que ele o o porquinho serão amigos inseparáveis?

Dice Tsutsumi

Os artistas misturaram tradicionais desenhos à mão com técnicas de pintura digital, criando um efeito lindíssimo!

E, no Rio, quem foi o vencedor do Melhor Curta-Metragem Infantil? História de un Oso, de Gabriel Osório. A produção chilena fez tanto sucesso que ainda levou para casa o prêmio de Melhor Direção de Arte! Não deu bobeira. A história é sobre um pequeno urso que é capturado e obrigado a trabalhar em um circo. Ele passa o dia fabricando coisas de lata e sente muita falta da sua família. Quem aí descobriu o que acontece com ele?

Gabriel Osorio

Parece que a parte mais difícil da produção técnica foi fazer o pelo dos ursos. É um tanto complexo em 3D, mas o resultado final ficou demais!

Mas é claro que essas não são as úncias animações para crianças que vieram para o nosso festival! Tivemos Papa, sobre um inventor excêntrico que percebe que não é um pai lá tão bom e decide criar um. Erros, um filme brasileiro sobre um menino que passa a ver os erros dos outros como literais (não pode dar certo, né?). Ovelhas, sobre uma ovelhinha que faz “muu”, que nem uma vaca (haja crise de identidade!). O Menino e o Mundo e Minhocas, dois grandes sucessos verdes e amarelos, e muito mais!

Gottfried Mentor

Essa não é a primeira vez em que ovelhas aparecem em um filme de Gottfried Mentor. Esse bichinhos peludos também fizeram muito sucesso em Oh Sheep!

É isso, pequenos animaníacos. Outubro é o mês de vocês, então não deixem de comemorar com muita animação!