PT | EN

Um minuto de átomos animados! Essa é a inusitada proposta da IBM com o curta “A Boy and His Atom” (O Menino e seu Átomo).

A Boy and his Atom

Os animadores utilizaram átomos de oxigênio das moléculas de monóxido de carbono para retratar um menino que dança, joga bola e se diverte em mundo 100 milhões de vezes menor do que o nosso. A técnica escolhida para fazer isso possível foi o stop motion.

Para ter uma ideia da dimensão microscópica na qual a IBM trabalhou, nosso corpo é, em média, constituído por 7,000,000,000,000,000,000,000,000,000 átomos, enquanto no filme apresentado podemos contar os poucos átomos utilizados!

O filme, feito com 242 frames, já foi certificado por Jamie Panas, do Livro dos Recordes, como “O Menor Stop-Motion” já feito. Para facilitar o trabalho dos cientistas no movimento dos átomos, as moléculas foram submetidas a uma temperatura de 450 graus abaixo de 0 Fahrenheit. Isso é muito muito muito frio mesmo! “Assim os átomos ficam parados. Eles se moveriam por conta própria em temperatura ambiente”, contou Andreas Heinrich, cientista da IBM à frente do projeto.

Isso prova que o universo da animação não tem limites! E é muito bacana que empresas como a IBM (antiga e fiel parceira do ANIMA MUNDI, patrocinadora do projeto Anima Escola e do software MUAN) utilizem desta forma a linguagem animação,  para tornar evidente que ela pode estar presente nos mais ínfimos detalhes da realidade em que vivemos!

Animou? Deixe sua opinião nos comentários!