PT | EN

Cada vez mais gente descobre nas plataformas de crowdfunding uma boa maneira de financiar seus projetos. E foi nessa onda que o BaloOm Estúdios, de Minas Gerais, embarcou para viabilizar o curta em animação computadorizada “PoustEx”.

PoustEx

PoustEx em seu primeiro dia de trabalho entregando cartas

A história tem como personagem principal um robô carteiro chamado PoustEx em seu primeiro dia de trabalho. Tudo corre muito bem em sua jornada, até que o simpático robozinho descobre que suas entregas não faziam bem a seus destinatários. Para consertar tudo isso, ele terá que enfrentar alguns desafios.

Um pouco antes

O trabalho da galera da Baloom Estúdios promete um 3D implacável

O filme dirigido por Cristiano Policarpo e produzido por Ingrid Gomes tem como propósito “instigar a reflexão sobre o que nossas escolhas e atuação estão oferecendo ao mundo”. Tudo isso, claro, com muito capricho na estética. A ideia é criar uma animação 3D complexa e dinâmica, visualmente atraente e com uma boa história para contar.

O curta-metragem de 12 minutos é uma coprodução Brasil-Uruguai, que começou a ser feita em 2011. Algumas etapas – história, roteiro, criação de personagens, desenhos conceituais, trechos de storyboard, testes de animação e grande parte da modelagem – já foram finalizadas e o filme deve ser lançado no fim de 2013.

Mais uma cena de PoustEx

PoustEx tem previsão de lançamento para o fim de 2013

“O financiamento colaborativo permitirá que o filme seja realizado conforme foi concebido, sem a necessidade de recorrer a grandes produtoras”, resumiu Ingrid Gomes, produtora e co-roteirista. Até o dia 31 de dezembro, a equipe da BaloOm espera juntar US$25 mil. Quer ajudar?

A mecânica do crowdfunding é simples, qualquer um com um cartão de crédito pode contribuir. Os responsáveis pelo projeto oferecem recompensas pela ajuda. Dependendo da quantia doada, você pode receber um dvd em casa, um agradecimento nos créditos, convites pra festa de lançamento etc etc.

E se quiser colocar seu projeto lá pra juntar uma verba também é muito fácil. Existem vários sites que prestam esse tipo de serviço por aí, inclusive brasileiros. Não tem mais desculpa, tá na hora de tirar aquela ideia do papel!